RECOMENDAÇÃO: Curso “Aperfeiçoamento em Intubação Orotraqueal”

/ / Anestesiologia, Cardiologia, Cirurgia, Clínica médica, Residência Médica, SUS, Universitários

 LINK PARA AQUISIÇÃO DO CURSO

https://go.hotmart.com/R15103058N

Dias atrás postei sobre a importância de dominar o manejo da via aérea em pacientes críticos… Me comprometi a encontrar um curso que fosse capaz de suprir a deficiência que quase 100% das faculdades de medicina tem sobre o assunto. O curso se chama “Aperfeiçoamento em Intubação Orotraqueal”. É 100% online, ministrado pelo médico anestesiologista Dr. Thiago Chaves Amorim. Entrei em contato, expliquei que tinha interesse em divulgar seu curso, e ele disponibilizou o mesmo para que eu analisasse o conteúdo. Antes de ler minha opinião, meu review, gostaria que assistissem ao vídeo em que o próprio Dr. Thiago fala do curso. (Logo abaixo!)

São aproximadamente 7,5 horas de aulas. Tem até certificado. É um curso ministrado por quem mais entende da coisa… Tenho certeza que somente um anestesista pode te ensinar alguns detalhes disponíveis aqui! O cara entrega alguns dos nossos segredos! (Praticamente um traidor da classe! Kkk) Algumas coisas vocês não acham nem mesmo em livros da área, são da nossa prática diária, da nossa vivência. Muito bom mesmo! Não pense em PREÇO antes de ler tudo que tenho a dizer.

A seguir comentarei cada módulo, e depois disso farei algumas considerações fundamentais para quem desejar adquirir o curso. É uma análise sincera, verdadeira. Eu não me queimaria recomendando material ruim para vocês. Não preciso disso.

Curso: Aperfeiçoamento em Intubação Orotraqueal (CONTINUA… Clique em “mais”, logo abaixo, caso não esteja aparecendo o texto completo!)Módulo 01: Indicações de Intubação (Parece bastante óbvio ter isso no curso, mas não é! Muita gente acha que intubação orotraqueal se resume a enfiar o laringoscópio na boa e enfiar o tubo. O buraco é bem mais embaixo, e o curso já começou bem.)
Módulo 02: Anatomia prática (Anatomia com foco nas estruturas mais importantes e sua importância nas situações clínicas diversas. Vários vídeos comentados de laringoscopias em primeira pessoa, da visão que vocês terão ao intubar).
Módulo 03: Avaliação das Vias Aéreas e Sinais de Alerta (Como fazer, com foco na anamnese e exame físico, para prever situações com maior dificuldade, possibilitando se antecipar aos problemas)
Módulo 04: Ventilação com Máscara (Costumo dizer que isso é mais importante que a intubação em si. É a aula que você nunca teve na faculdade)
Módulo 05: Laringoscopia (Além da laringoscopia propriamente dita, ele ensina o que representa 50% do sucesso de uma intubação orotraqueal: O posicionamento!)
Módulo 06: Drogas da Intubação (Esse módulo é dividido em três aulas, sobres as três classes de drogas fundamentais para uma intubação em ótimas condições: Opióides, Hipnóticos e os tão temidos bloqueadores neuromusculares. Fala das indicações, modo de uso, contraindicações e complicações de cada droga)
Módulo 07: Manejo hemodinâmico (Essa aula você também nunca teve. Preparo para intubação orotraqueal da forma como se deve fazer, pouca gente sabe. Aqui é coisa de anestesista mesmo! Aqui você vai se diferenciar… O cara ensina correção precoce de hipotensão administrando adrenalina, noradrenalina, efedrina e metaraminol em pequenos bólus, usando uma seringa. Vantagens: Até que diluam a solução de drogas e montem as bombas, já se foram minutos preciosos para a vida do paciente. Não há tempo para isso.)

Agora quero fazer algumas considerações importantes. Primeira delas: O curso é realmente muito bom. De verdade. Acho que vale cada centavo. Quisera eu ter assistido essas aulas na época da faculdade… Mas gostaria de lembrar que é um curso de APERFEIÇOAMENTO. Você precisa já ter intubado alguém na vida, ou pelo menos um boneco. Não vá dar plantão achando que vai intubar alguém por ter feito esse curso. E caso você não tenha experiência no ato em si de intubar, é bom que trabalhe em locais em que tenha suporte, algum colega experiente para te ajudar e/ou socorrer.

Segunda consideração: Embora o curso ensine indicações de intubação, posicionamento, ventilação sob máscara, etc, que vão resolver (eu diria) 99% dos casos, o curso não se propõe a ensinar MANEJO AVANÇADO DA VIA AÉREA. Isso é assunto para outro curso, tão extenso ou mais do que este! No “manejo avançado da via aérea” você aprende a resolver os casos em que a intubação falha ou nos que ela é impossível. Aí entram os dispositivos supraglóticos, Bougie, fibroscopia, intubação retrógrada, estilete luminoso, cricostomia, etc… Com o curso que acabei de indicar, se você não conseguir intubar, vai ter que manter o paciente vivo com ventilação manual sob máscara e chamar ajuda.

…MAS ainda sim acho que vale muito a pena, pelos seguintes motivos: (1) Não conseguir intubar um paciente é situação pouco frequente, (2) O paciente com indicação de intubação orotraqueal de emergência geralmente vai evoluir para óbito você tentando ou não intubar, (3) caso você tenha um paciente que está evoluindo com insuficiência respiratória, saberá avaliar a via aérea, e caso considere alta a possibilidade de ser uma intubação difícil, poderá chamar ajuda em tempo hábil, antes que a situação se complique de fato, (4) Para que você possa fazer um curso de “Manejo Avançado da Via Aérea”, você tem que saber TUDO TUDO TUDO que está nesse curso. (5) Aprendendo a passar um máscara laríngea, você vai “resolver” quase todos os casos de falha num intubação. Pode estudar sobre o assunto e procurar algum colega que te ensine. (6) Se você assimilar o conteúdo desse curso, saiba que estará mais bem preparado em termos de teoria do que 90% dos que se aventuram nesses pronto-socorros da vida, até mesmo em UTIs. (7) O Dr. Thiago Chaves Amorim me falou que está preparando um curso de Via Aérea Difícil. Se for tão bem feito quanto este, o problema está resolvido!

Preço do curso: R$890,00. (Se eu fosse o criador desse material, não cobraria menos de R$1200)
Veredito: Vale muito a pena. Nota 10 para o que o curso se propõe a ensinar.

Texto escrito em 25/07/2019, por Solon Maia, médico anestesiologista, membro da Sociedade Brasileira de Anestesiologia.
contato: solonmaia@gmail.com

Comments