Sobre

O Autor

Solon Maia, brasileiro, nascido em Goiânia (GO) em 1981, sempre foi apaixonado por arte e quadrinhos. Cresceu divido entre o desenho e uma carreira tradicional, até que decidiu abraçar a medicina por causa do seu encanto e solidez como profissão.

Em 2001, Após três anos de vestibular, iniciou o curso de medicina na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), se tornando médico em 2007, aos 26 anos de idade. Trabalhou como clínico geral na Força Aérea Brasileira, na rede privada e na rede pública de saúde, tanto em capitais quanto no interior e zonas rurais.

Revoltado com toda a situação caótica que encontrou na saúde brasileira, resgatou sua velha paixão, a arte de desenhar, e a partir de 2011 criou o “Meus Nervos”, blog de quadrinhos no qual passou a desabafar e lutar pela profissão.
Em 2012 iniciou a Residência Médica de Ortopedia, no Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO), na qual permaneceu por apenas dois meses devido à exploração, assédio moral e coisas do tipo.

Em 2014 foi aprovado na Residência Médica de Anestesiologia na Unievangélica de Anápolis, se tornando Anestesiologista em 2017. Atualmente reside em Anápolis, onde trabalha dando aulas para residentes de anestesiologia e fazendo anestesias para cirurgias cardíacas.

O Blog

O “Meus Nervos” surgiu em 2011, da necessidade que o autor tinha de desabafar, contar suas histórias e de lutar por melhorias dentro da medicina. Aliado a isso, ainda existia o velho sonho de ser desenhista e de trabalhar com histórias em quadrinhos.

As influências foram muitas, como Turma da Mônica, Sandman, HellBoy, HellBlazer e diversos outros. O resultado foram tiras com um clima de terror, meio sombrias, com humor ácido e uma pegada sobrenatural… Uma mitologia bastante simples, na qual um jovem médico depressivo e estressado, misteriosamente consegue se comunicar com fantasmas, Deus, a Morte, o Diabo e diversos outros seres sobrenaturais.

O blog passou por uma fase toda em preto e branco, evoluiu com preenchimentos a base de texturas e hachuras, ganhou cores num traço mais grotesco e, por fim, passou a este estilo que vocês conferem agora, limpo, mais fino e mais cômico. As tiras antigas eram mais amadoras e não se encaixavam bem com a identidade que o blog assumiu, então foram retiradas da linha do tempo, estando disponíveis atualmente apenas na área restrita para colaboradores. (Clique aqui e saiba mais)

Embora o foco sejam as tiras, o Meus Nervos conta ainda com textos diversos, que surgiram conforme a demanda por parte dos leitores, e também devido ao relativo sucesso que alguns obtiveram ao serem publicados nas redes. Com o tempo, tomara que venham entrevistas, colunas e mais conteúdo para vocês! A ideia é crescer sempre!