Home » Doutor » Segredo revelado: Como faço minhas tirinhas! [Atualizado e explicado]
Home Share this by email. Share on Facebook!  Tweet this! 

Segredo revelado: Como faço minhas tirinhas! [Atualizado e explicado]

.

.

.

A grande maioria dos leitores não entendeu a tirinha, mas alguns só de bater o olho já sacaram do que se tratava. Bem, isso acontece! …Foi divertido ver a especulação sobre o mistério em questão; sugeriram que o Doutor estava bebendo energético, whisky, cerveja preta, café, Ritalina…  Mas não é nada disso, personas! Ele estava bebendo “A Fórmula!” A tirinha faz clara e direta referência ao “Médico e o Monstro!” É um livro do escritor Robert Louis Stevenson, publicado em 1886, com título original de The Strange Case of Dr. Jekyll and Mr. Hyde, que fez enorme sucesso entre os fans do horror e suspense, misturado com uma narrativa em tom policial muito bem intrincada.

Basicamente, a obra trata de um médico famoso e bem sucedido (Dr. Jekyll), membro da alta sociedade inglesa, que tem como teoria que todo ser humano é dotado de duas naturezas completamente opostas, equilibradas de acordo com sua saúde mental. Uma é boa, aquela que traz admiração das pessoas, compaixão dos mais velhos, elogios dos amigos e da esposa ou namorada; outra é má, aquela que é violenta, agressiva, mal-educada, feia e temida por todos. Quando bem distribuídas, com pequenas alternâncias de estado, o homem pode ser considerado normal, mas há os casos em que uma natureza se sobrepõe a outra, tentando se libertar.

Com base nessas idéias, Dr. Jekyll dedicou anos de estudo em busca de uma fórmula que fosse capaz de suprimir a natureza ruim daquele que a utilizasse. Experimentando a fórmula em si mesmo, ele teve essas duas vertentes de sua personalidade separadas, com a ruim passando a ter o pseudônimo Mr. Hyde. A história se desenvolve com o médico cada vez mais deprimido e debilitado, tentando controlar sua outra personalidade, cada vez mais forte e dominante; enquanto isso, a cidade era assolada por eventos bizarros e horríveis causando temor e perplexidade à população.

No cinema: O filme foi adaptado ao cinema pela primeira vez em 1908, sendo adaptada novamente em 1914, 1920, 1931 e 1941. Em 1963, inspirou Jerry Lewis a fazer a comédia “Um professor aloprado”, e  ao longo dos anos 1970, 1980 e 1990, o plot de O médico e o monstro servirá de base para filmes diversos, os quais discutem da problemática racial ao tema da mudança de sexo. No Brasil, até mesmo Os Trapalhões usaram a história de Stevenson, com O incrível monstro trapalhão (1980), de Adriano Stuart, um dos melhores filmes do grupo. Mary Reilly (1996), de Stephen Frears, é um dos maisrecentes filmes baseados na obra. No cinema Dr. Jekyll e Mr. Hyde em “A Liga Extraordinária” (2003), pífia adaptação dos quadrinhos de Alan Moore, e em “Van Helsing – O caçador de Monstros” (2004), outro filme ridículo…

Desenhos animados: No episódio “Hyde and Go Tweet” de Frajola e Piu-Piu, no episódio chamado “Dr. Jekyll and Mr. Mouse” de Tom e Jerry, 1947, e finalmente em “Hyde and Hare”, do desenho do Pernalonga, de 1955. (Todos vocês já devem ter assistido!)

Quadrinhos: Se tornou personagem da fantástica obra “A Liga Extraordinária”, de Alan Moore, e notadamente inspirou a criação do Incrível Hulk.

Foram inúmeras as referências ou adaptações da obra; as que mencionei aqui foram as mais importantes e curiosas, tendo sido feitas ainda pinturas, músicas e diversas outras menções à obra nas mais variadas artes.

Depois disso tudo, acho que concordarão: Meus Nervos tinha que conter algo sobre O Médico e o Monstro!

Cartaz do primeiro filme, Mr. Hyde em Van Helsing e em seguida em A Liga Extraordinária


Pernalonga, Piu-piu e Frajola, e Tom e Jerry

A Liga Extraordinária (quadrinhos de Alan Moore), Seriado clássico do Hulk e Adaptação de Maurice Philips

Fontes:

Wikipedia: http://pt.wikipedia.org/wiki/Strange_Case_of_Dr_Jekyll_and_Mr_Hyde

Ciência e Cultura: http://cienciaecultura.bvs.br/scielo.php?pid=S0009-67252005000400032&script=sci_arttext

PasseiWeb: http://www.passeiweb.com/na_ponta_lingua/livros/resumos_comentarios/o/o_medico_e_o_monstro

Comments Closed

23 Comentários. Entre na conversa também!

  1. Comentado por Sarah:

    ops.. corrigindo… o grupo australiano MEN AT WORK fez uma música em homenagem…

  2. Comentado por Sarah:

    Eu acertei de primeira, mas chamei o livro de O MÉDICO E O LOUCO AHAHAHAHAHAH. Me confundi com aquele ditado besta… mas até tenho o livro DR. JEKILL AND MR. HIDE. Para quem não sabe, o MEN AT WORK fizeram uma música em homenagem!

  3. Comentado por Raissa Castro:

    vi a peça em SP, perfeita!!

  4. Comentado por Samara:

    Galera que não entendeu antes teve infância não: tudo bem não ter lido o livro, mas não conhecer as versões Pernalonga, Piu-piu e Frajola, e Tom e Jerry tem como não… huauhuahuahahu
    Muito boa. Parabéns.

  5. Comentado por TIRINHAS DO ZÉ:

    Já sei…. “Xilocaína” hauahauahau!

  6. Comentado por Mariana Viza:

    mto profunda essa… deu preguiça de pensar

  7. Comentado por Amedicina:

    Deve ser o plantão…ueheuheueh

  8. Comentado por Alceu:

    tinha pensado em laranja mecânica…. mas o chapeu não bateu.. depois pensei de Monstro e médico9.. kkkk

  9. Comentado por Lara:

    Nem imagino oq tenha nesse copo… mas esses bichinhos nele me fizeram lembrar de um PSF no qual eu fazia estágio há uns tempos atrás. Era uma casa antiga transfomada em PSF e a água estava meio estranha há alguns meses, quando foram lavar a caixa descobriram um ninho de baratas lá dentro!

  10. Comentado por Heleno Paiva:

    Solon! essa foi genial e muito difícil!!!
    eu só entendi pelo NOME DO ARQUIVO!
    é uma alegoria de o médico e o monstro, no original, Dr Jekyll and Mr HYDE.
    daí a bebida é o de menos – o que vale é a conversão do pacato dr. Jekyll no bruto e louco Mr. Hyde.
    http://2.bp.blogspot.com/_FxCl-zDjIOQ/SinTvpVUqDI/AAAAAAAAEIQ/xqUeDUMNYbg/s400/jekyll-and-hyde.jpg
    nessa foto até a cartola tá bem bacana!
    parabéns pelos posts bem pensados! alto nível! muito bom!

  11. Comentado por Alan:

    Ritalina? hahaha

  12. Comentado por Doutor:

    Não pensem na bebida em si! Pensem no contexto geral… kkkk…

  13. Comentado por deeka !:

    Essa tá difícil… pensei em whisky, mas a descrição já descartou ):

  14. Comentado por Michelle Brütten:

    cerveja preta kkk

  15. Comentado por cris:

    depois daquela dá água correndo na mao de jesus e virando vinho nao duvido de mais nada… kkkkk

  16. Comentado por Doutor:

    Nem café, nem cachaça, nem energético… kkkk…

  17. Comentado por deeka !:

    café ou energético ?

  18. Comentado por Luiza:

    Uai…seria o efeito cafeína? kkkkkkkkk

  19. Comentado por Laura:

    Aí dá uma inspiração danada né…kkkkkk